Preservação do ar atmosférico

Grandes cidades do mundo, com seus carros e suas fábricas, lançam enormes quantidades de gases tóxicos e partículas sólidas na atmosfera.

Esta poluição é uma ameaça à saúde do homem e à vida em geral. A fumaça que polui o ar vem da queima de combustíveis como:

- carvão, de siderúrgicas, metalúrgicas e etc;
- gasolina, dos automóveis;
- óleo diesel, de fábricas e automóveis;
- madeira, de queimadas das florestas.

Esses combustíveis quando queimados geram toneladas de poluentes, que vão para o ar atmosférico.

Gases tóxicos

Já existe uma quantidade aproximada definida de gases na atmosfera. Se há excesso de outros gases tóxicos, dizemos que o ar está poluído.

O monóxido de carbono (CO) é um gás inodoro (sem cheiro) e incolor (sem cor) que pode causar a morte. É obtido através da queima de alguns combustíveis que contenham carbono (C).

Quando inspirado, ele chega nos pulmões e vai para o sangue. Penetra no interior das hemácias ou glóbulos vermelhos e combina-se com a substância hemoglobina, que é responsável pelo transporte e distribuição de oxigênio. Causa enfraquecimento dos vasos sanguíneos, náuseas e diarreias. A pessoa submetida a altas concentrações de CO pode morrer de asfixia.

O gás carbônico (CO2) participa de 0,04% da composição total dos gases na atmosfera. É muito importante para a vida na Terra. Auxilia na fotossíntese das plantas. A concentração deste gás vem aumentando na atmosfera devido à queima dos combustíveis fósseis e derivados. Este aumento na concentração deste gás pode provocar o efeito estufa.

A radiação solar (luz e calor em forma de radiação infravermelha IV) atravessa a atmosfera, chega na superfície da terra e se reflete. Parte deste calor fica na superfície e outra parte vai para o espaço. Do calor que vai para o espaço, parte atravessa a atmosfera e a outra fica presa na atmosfera. Esse é o efeito estufa, que aquece a Terra. Se há muito gás carbônico, menor é a quantidade de radiação IV que vai para o espaço. Esse calor fica preso na terra, elevando a temperatura. É o que chamamos de Aquecimento Global.

O dióxido de enxofre (SO2) e os óxidos de nitrogênio (por exemplo, o NO2) também aparecem na atmosfera como resultada da queima dos combustíveis fósseis e seus derivados.

Podem causar ardor nos olhos, irritação no nariz, garganta e brônquios. Na atmosfera, estes gases se combinam com a água da chuva provocando várias reações químicas. Depois voltam à superfície terrestre em forma de chuva ácida, causando sérios danos ao homem e ao meio ambiente.

A chuva normalmente já é ácida, mas com a poluição, ela se torna mais ácida ainda.

Chuva normal (levemente ácida):

H2O + CO2  →  H2CO3   formação de ácido carbônico

Chuva Ácida:

H2O + SO2  →  H2SO3    formação de ácido sulfuroso

H2O + SO3  →  H2SO4    formação de ácido sulfúrico

H2O + NO2  →  HNO3    formação de ácido nítrico

A chuva ácida pode destruir as plantações, provoca envenenamento dos rios matando peixes e outros animais marinhos. Corrói carros, monumentos, mármores e casas.

O clorofluorcarbono (CFC) ou gás freon foi criado em 1928 para ser utilizado em refrigeradores, aparelhos de ar condicionado, aerossóis (spray) e para fabricar plásticos porosos.

O CFC, assim como o metano (CH4) pode destruir a camada de ozônio. A diminuição ou o espessamento desta camada pode alterar o clima na terra. Aumenta também a radiação UV (ultravioleta) causando mais casos de câncer de pele nos seres humanos.

O isopor é um material que contém CFC, não é degradável e nem é reciclável. Ocupa muito espaço porque não é muito denso. Também é considerado um agente poluidor do meio ambiente.

Metais pesados

Metais pesados como o chumbo (Pb), mercúrio (Hg) e cádmio (Cd) são jogados no ar por meio de chaminés, fundições e minas.

A intoxicação por Hg pode causar tanto males ao organismo como inflamação na boca, queda dos dentes, náuseas, cegueira e pode levar à morte.

No Brasil, o Hg é utilizado muito nas zonas de garimpo. Serve para formar uma mistura com ouro (Au), separando-o das impurezas. Logo em seguida, o garimpeiro usa o maçarico para evaporar o Hg e obter o ouro. O Hg evaporado é inalado por este garimpeiro, intoxicando-o. O metal pode passar da atmosfera para a água dos rios, contaminando peixes e outros animais consumidos como alimento pelo homem.

Filtrando poluentes da atmosfera

Para diminuir a poluição na atmosfera, são usado filtros nas chaminés das indústrias. O ar fica mais leve e limpo, portanto, mais apropriado para a respiração dos seres vivos.

  

Como referenciar: "Preservação do ar atmosférico" em SóQ. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2018. Consultado em 21/07/2018 às 12:24. Disponível na Internet em http://soq.com.br/conteudos/ef/meioambiente/p1.php